Record quer que acreditemos na polémica que lanço entre jogador e treinador

Advertisement

Hoje foi noticia de capa no Record de que Julian Weigl e Jorge Jesus pegaram-se. Segundo Valter Marques, que é o autor da baboseira, Weigl pegou-se com Jorge Jesus antes do jogo com o PAOK por se recusar a ir buscar jogo entre os centrais.

Portanto Jorge Jesus que é de ideias fixas e conhecido por ser bastante rigoroso com os jogadores, chegando a deixá-los de fora, mete o Weigl num jogo importante quando uns dias antes se pegaram. Ainda para mais por algo que o jogador faz em todos os jogos em que entra. Até com o Lage o jogador vinha buscar jogo entre os centrais.

Com JJ, jogador que se recusa nem convocado é. Weigl não só o foi convocado com foi titular depois dessa suposta discussão. Tantos dias depois e só agora é que o Valter Marques escreve tal baboseira? A história está muito mal contada porque toda a gente conhece os métodos de Jorge Jesus. O pedido em si é algo que o jogador até fazia com o treinador anterior. A “notícia” só sai muito depois e quando o jogador começou o jogo no banco. Se fosse titular por mais 5 jornadas e à 6ª fosse para o banco, lançavam esta história? Alguém acredita?

Tentaram fazer o mesmo com Rúben Dias e ninguém lhes passou cartão, agora é a vez de puxar por algum jogador. O intuito é criar polémica e queimar o atleta nas tv´s e jornais.

Record arranja polémica entre Rúben Dias e Jorge Jesus