Pizzi: “O 10 é para os mágicos, e o mágico é o Jonas”

O médio Pizzi está muito satisfeito com o início de temporada do Benfica, com o desempenho que a equipa tem vindo a ter e afastou a hipótese de passar a envergar o número 10, que pertencia ao brasileiro Jonas.

«Este convívio é importante, estas pessoas estão longe de nós durante o ano, têm saudades de Portugal e do Benfica», afirmou Pizzi, em declarações numa sessão de autógrafos, na loja da Adidas em Nova Iorque.

O médio falou de ter sido capitão frente ao Chivas.

«É um orgulho trazer a braçadeira de capitão. Não representa nada mais do que uma braçadeira, aqui todos se sentem capitães. Os nossos capitães são o Jardel e o André Almeida, mas há esse orgulho enorme. Vencemos contra uma boa equipa, exibição bem conseguida, sem sofrer golos. Agora vamos preparar o próximo jogo.»

Sobre os adversários que estão no caminho.

«Os próximos jogos [Fiorentina e Milan] serão especiais para o Rui Costa, ele jogou em ambos os clubes. É mais um passo na nossa preparação. Estamos quase a chegar à Supertaça e queremos estar no máximo das nossas capacidades. Vamos continuar a trabalhar todos os dias para fazer bons jogos, treinar cada vez melhor para chegarmos ao Sporting e fazermos as coisas bem.»

Pizzi só pensa em somar mais triunfos.

«No Benfica pensamos sempre em entrar para vencer, seja particular ou a valer. Já disse que é sempre importante vencer. Foi uma boa vitória, 3-0 contra uma boa equipa, jogadores com outra maneira de pensar o futebol. Deu para o mister tirar ilações sobre vários jogadores novos que estão a chegar. Agora temos mais dois jogos para chegarmos à Supertaça a um nível elevado.»

O goleador brasileiro Jonas defendeu que o médio poderia ficar com o seu número.

«Vou manter a 21. Agradeço as palavras do Jonas, é com muito agrado que recebo essas palavras de um craque como foi o Jonas, não só dentro de campo, mas como pessoa, mas vou continuar com a 21. Foi um número que me deu muita sorte no Benfica, e será para continuar. O 10 é para os mágicos, e o mágico é o Jonas.»

A Supertaça está a gerar muita expetativa.

«[bilhetes esgotados para a Supertaça] Agradecemos esse apoio. Vai ser um jogo extremamente complicado, é um título que queremos conquistar. Esperemos que tudo corra bem na Supertaça e que possamos festejar juntos. Ainda é um pouco cedo para esse jogo, até lá todos os treinos e jogos são para chegarmos a esse dia na melhor condição física possível. É só nisso que pensamos.»

CONTINUAR A LER
TAGS