Fake News estampada na capa do Record

Advertisement

O Benfica respondeu, nesta segunda-feira, à notícia falsa do Correio da Manha . Parece que a resposta ao comunicado veio com mais uma obra de arte do outro jornal do mesmo grupo. E a dobrar embora a outra seja pouco relevante.´

Qualquer treinador no mundo aborda todos os jogos para ganhar. Seja em jogos contra equipas de menor dimensão ou contra equipas de maior dimensão. Jorge Jesus não foge à regra e mostrou isso dizendo que olha para as equipas da mesma maneira.
Hoje o Record decidiu usar o “é para ganhar tudo!”. E o que está a acontecer? Os benfiquistas, que não viram a conferencia de imprensa do treinador, comentam “lá está a bazófia do Jorge Jesus” entre outros comentários menos próprios.

Jorge Jesus foi até bastante humilde e elogioso para com o adversário de hoje ao contrário do que a capa do Record faz parecer.

“É com uma satisfação muito grande que vamos abrir a fase de grupos, era aqui que queríamos estar, com os melhores. Vamos defrontar uma equipa forte, como são as quatro equipas do grupo. Olho para o Dínamo Kiev como olho para o Barcelona ou para o Bayern Munique. O Dínamo tem cinco jogadores que são titulares da seleção da Ucrânia, que ainda há poucos dias jogou com a França, campeã do mundo, e empatou 1-1. Mas isto é apenas um sinal de valorização do Dínamo, porque o Benfica tem todas as condições para disputar as vitórias com todos os adversários no grupo. É para isso que nos preparámos, para disputar esta fase de grupos sem receio de nada, mas sabendo que os nossos rivais têm os mesmos objetivos que nós e são fortes.”

“Se estivermos a olhar para o Dínamo Kiev como a equipa mais fraca do grupo… não é verdade, em nada! Tem o treinador no ativo mais titulado do mundo, tenho respeito e uma admiração muito grande por ele! Esta equipa teve cinco titulares na seleção da Ucrânia no último Europeu. O Dínamo Kiev é tão forte como o Barcelona e como o Bayern. Se me perguntarem se penso ganhar ao Barcelona e ao Bayern, penso!; se penso ganhar ao Dínamo Kiev, penso!”

A outra fake news prende-se com o que disse João Félix. Parece que há falta de tradutores no maisfutebol e no Record. Félix disse “Os nossos adversários são dos melhores dos países deles” e os tradutores escreveram “… Os nossos adversários são os melhores nos países deles”.